• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Radiografias Extra-bucais

E-mail Imprimir

Radiografia Panorâmica :
O exame panorâmico é de fácil execução  e permite a avaliação do complexo maxilo-mandibular com reduzida dose de radiação. Como exame inicial ou de rotina, tem indicação em todas as especialidades da Odontologia.
Nesta incidência pode ser avaliada  a presença de agenesias, supranumerários, o desenvolvimento dos germes dentes presentes, a posição dos terceiros molares e de patologia do folículo pericoronário;  de cáries, próteses, restaurações, lesões no periápice;  reabsorções ósseas alveolares; posicionamento

do assoalho do seio maxilar, fossa nasal, condutos mandibulares e forames mentonianos com finalidade de implantes; de raízes residuais, fraturas ósseas, patologias.

Panorâmica convencional

Panorâmica convencional

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Panorâmica convencional para implante: ampliação variável
É uma incidência panorâmica convencional onde a ampliação vertical gira em torno de 30%

 

Panorâmica convencional para implante: ampliação constante 25% (P11)
É uma incidência panorâmica convencional onde mantém-se constante uma ampliação de 25% na dimensão vertical.

 

Traçado para implante:
Indicado para estudo de colocação de implantes, é realizado sobre a incidência panorâmica convencional onde busca-se a medição das alturas ósseas disponíveis nas regiões receptoras de implantes, considerando-se a ampliação  vertical de 25% ou 30%.
Pode ser feito o traçado das estruturas anatômicas importantes da maxila e mandíbula bem como a  visualização de implantes nas regiões investigadas.

 

Telerradiografia Lateral:
É uma radiografia lateral do crânio onde a cabeça do paciente é posicionada perfeitamente em perfil através do cefalostato. Junto às estruturas ósseas do crânio também visualiza-se as partes moles do perfil.
Este procedimento é empregado principalmente na ortodontia e cirurgia maxilofacial. Sobre esta incidência são realizadas análises cefalométricas onde avalia-se o padrão dento-esquelético- facial e o crescimento do crânio e da face.
A análise cefalométrica de Rocabado utiliza a telerradiografia lateral com visualização da sétima vértebra cervical (C7).

 

Telerradiografia Frontal:
Nesta incidência busca-se examinar áreas no sentido póstero-anterior auxiliando junto com outras radiografias na localização de áreas patológicas, fraturas mandibulares, agulhas fraturadas, dentes inclusos, etc.
Tem procedimento similar ao da Telerradiografia lateral quando o paciente é posicionado de forma frontal ao cefalostato. A análise cefalométrica frontal de Ricketts avalia a simetria facial.

 

Telerradiografia 45º D e E:
De procedimento similar ao da Telerradiografia lateral, esta incidência permite a medida dos diâmetros mésio-distais dos germes dentários de caninos e pré-molares inferiores para análise do espaço requerido.

 

Radiografia de Mão e Punho (Indice Carpal ):
É feita uma radiografia da mão e punho esquerdos para avaliação dos centros ósseos de crescimento, os quais servem como indicadores do estágio de desenvolvimento do paciente (idade óssea). A avaliação da idade óssea é feita pelo método comparativo de Greulich-Pyle.
O estudo da Curva de Crescimento auxilia na determinação da época do Surto de Crescimento, dado importante para paciente em tratamento ortodôntico.

Voltar

 

Leia também

Os modelos ortodônticos são obtidos através da moldagem com material de impressão dos arcos dentais  na qual é feito o vazamento de  gesso ortodôntico reproduzindo os dentes e arcadas  do paciente. Através do registro em cera da oclusão do paciente temos a determinação do relacionamento das arcadas dentais, reproduzida no recorte das angulações das bases dos modelos.

Voltar